fechar× Entre em contato (71) 3015-2200 (71) 3037-8880 (71) 99154-3223 (whatsapp)

10 dicas de ouro de como montar um e-commerce

Há alguns anos, a única opção para o empresário que desejava expandir o seu negócio era abrir filiais. Dessa forma, ele conseguia atender clientes em outras regiões, aumentando o seu faturamento. Hoje, temos a possibilidade de montar um e-commerce para conquistar mais clientes sem investir em um espaço físico.

Os novos empreendedores também se beneficiaram com a chegada do comércio eletrônico. Com um investimento menor, eles puderam realizar seus sonhos de começar um negócio próprio. No entanto, muitos ainda têm dúvidas com relação a diversos aspectos.

Neste artigo, apontaremos 10 dicas fundamentais para quem deseja montar um e-commerce. Ficou interessado? Chega mais e confira!

1. Escolha uma plataforma de fácil utilização

A primeira coisa que você precisa fazer, antes de criar a sua loja virtual, é escolher qual plataforma utilizar — essa escolha faz toda a diferença para a execução do seu projeto. Sendo assim, o ideal é optar por um CMS (Sistema de Gerenciamento de Conteúdo) que atenda as suas necessidades, permitindo que você atualize o seu e-commerce sem grandes dificuldades. Caso contrário, você precisará de um suporte técnico frequentemente.

2. Crie um site com design responsivo

Ter um site que se adapta aos dispositivos móveis deixou de ser um diferencial e passou a ser um requisito indispensável há muito tempo. Para você ter uma ideia, o smartphone é o aparelho mais utilizado para se conectar à internet aqui no Brasil. Logo, se você tem uma loja virtual em que o usuário precisa dar zoom para visualizar os produtos, está em maus lençóis.

3. Aplique técnicas de SEO

O SEO (Search Engine Optimization) consiste em uma estratégia que tem como objetivo deixar o seu site bem posicionado na pesquisa orgânica dos mecanismos de busca — como o Google. Para que essa estratégia seja bem sucedida, é preciso estudar as técnicas mais eficazes para que o buscador eleve a sua posição no ranking. Entre os fatores que o Google leva em consideração para que isso ocorra, podemos citar:

  • distribuição de palavras-chave;
  • velocidade de carregamento do site;
  • hyperlinks apontando para as suas páginas;
  • URL amigável.

Pode parecer complicado em um primeiro momento, mas se você quer investir cada vez menos em anúncios patrocinados e deseja atrair visitantes por meio dos seus conteúdos, vale a pena ler um pouco mais sobre esse assunto. Para isso, criamos um e-book com 5 dicas essenciais de SEO.

4. Preocupe-se com a navegabilidade

Além de ser responsivo, é fundamental que o seu site seja fácil de navegar. Você já deve ter se deparado com alguns sites com layouts confusos e cheios de informações, que deixam qualquer um sem saber o que fazer. Quando é assim, a vontade que temos é de sair rapidamente do site para buscar outra opção.

O ideal é distribuir os elementos de forma lógica e objetiva. Se o usuário leva muito tempo para encontrar o que deseja, provavelmente, sairá de lá sem efetuar a compra. Um jeito bom de testar a navegabilidade é chamar alguém de fora, pedir para que essa pessoa pesquise algo no site e observar, sem interferir no processo.

5. Insira imagens atraentes

Ao se deparar com um produto em sua loja virtual, a imagem será o primeiro elemento que chamará a atenção do usuário. É preciso que você selecione bem as fotos dos produtos para criar uma boa sensação. Nessas horas, a dica é não economizar e contratar um fotógrafo profissional para essa missão. Dessa forma, você consegue valorizar o item em questão sem dizer uma palavra.

6. Capriche na descrição do produto

Após selecionar as melhores imagens, é hora de fazer a descrição dos produtos. Existem pessoas que colocam informações técnicas sem dar muitos detalhes. Outros escrevem um texto gigante que deixa qualquer um cansado só de bater o olho. Ambas as formas estão erradas, pois você deve encontrar um equilíbrio entre a objetividade e a persuasão. Portanto, foque no diferencial do produto e evite dar mais de um adjetivo, como “camiseta linda, confortável e super na moda”.

7. Diversifique as formas de pagamento

É preciso dar opções ao consumidor no momento de efetuar o pagamento. Alguns preferem pagar à vista no cartão, outros parcelam a compra, e há também aqueles que optam pelo boleto. Seja como for, essa diversidade possibilita que menos pessoas abandonem o carrinho. É claro que nem sempre é viável oferecer todas as formas de pagamento existentes, mas é fundamental disponibilizar mais de uma opção.

8. Tenha um chat online

O atendimento é um dos fatores primordiais para conquistar os clientes nos estabelecimentos físicos, e no comércio eletrônico não é diferente. Apesar das lojas virtuais não possuírem vendedores para abordar os usuários, você deve estar disponível para responder eventuais dúvidas. Portanto, incluir um chat online é a maneira mais rápida e eficaz para dar todo o suporte necessário aos consumidores.   

9. Acompanhe os resultados constantemente

Para que as suas ações proporcionem resultados positivos é preciso verificar o que pode ser melhorado. Por meio dos dados coletados pelo Google Analytics, você tem acesso às informações valiosas sobre o desempenho do seu site e conhece o comportamento dos usuários. Alguns dados que podem ser levantados são:

  • quantidade de visitas;
  • taxa de rejeição das páginas;
  • tempo de permanência;
  • sexo, idade e localização dos visitantes;
  • dispositivos utilizados.

Há também outras ferramentas pagas, como o Hotjar, que indica os elementos que mais receberam interação em seu site, rastreia o caminho percorrido pelo ponteiro do mouse dos visitantes e coleta outras informações detalhadas. Assim, você conseguirá insights para aprimorar a sua loja virtual.

10. Conte com a ajuda de especialistas

Por fim, saiba que ninguém consegue obter sucesso sem qualquer ajuda. Quando você contrata um profissional e terceiriza os aspectos mais técnicos do seu negócio, você tem mais tempo para cuidar do que realmente importa. Desse modo, os consumidores terão a melhor experiência e possivelmente se tornarão clientes fiéis da marca.

Não há muitos segredos para quem pretende montar um e-commerce. Após a escolha da plataforma ideal, que atenda os seus objetivos, os outros detalhes se tornam menos complicados. Seguindo essas dicas, a taxa de conversão e fidelização dos clientes certamente terá uma melhora significativa.

Gostou das dicas? Quer avançar de nível e aprender ainda mais sobre e-commerce? Baixe nosso e-book e saiba como colocar a sua loja virtual em operação!


Confira também:
E-book Loja Virtual em Operação


  • 1
Exibindo 1 de 1

Carregando...